informe o texto

Notícias Mato Grosso

Defensoria Pública de Mato Grosso só atenderá vacinados contra covid

A Defensoria Pública de Mato Grosso atenderá presencialmente apenas o cidadão que comprovar, por meio virtual ou cartão, que recebeu a vacina contra a covid-19. Aos não vacinados, o órgão oferecerá o atendimento virtual por telefone, mensagens de aplicativo de WhatsApp ou pelo site, via o serviço de Atendimento Online.

A Instituição atende a população presencialmente desde 19 de novembro do ano passado, mas diante do aumento do número de casos, novas regras foram estabelecidas. Resolução 003/2022, publicada no Diário Oficial de hoje (13), define medidas de prevenção e redução do risco de transmissão da da doença para membros, servidores e para a população que faz uso dos serviços da DPMT, público que, em sua maioria, vive em extrema vulnerabilidade.

Os trabalhadores da Defensoria Pública que comprovarem contágio pelo coronavírus, por meio de exames laboratoriais e atestado médico, deverão trabalhar de casa, caso tenham sintomas leves, pelo período de dez dias consecutivos, a partir da data dos sintomas. Aqueles cujo trabalho não pode ser desempenhado de forma remota, serão dispensados da atividade pelo prazo de dez dias, mesmo que apresentem sintomas leves.

Fonte: Repórter MT
 
Sitevip Internet