Imprimir

Imprimir Notícia

15/01/2022 - 13:28

Polícia civil apreende cargas de madeira extraída ilegalmente em Comodoro

Parte das madeiras foi retirada de uma reserva indígena

A Delegacia de Comodoro apreendeu nesta sexta-feira (14.01) duas cargas de madeira extraídas ilegalmente na região. Uma das cargas, da espécie itaúba, foi retirada de uma reserva indígena.

Na sexta-feira, a equipe de investigação tomou conhecimento de um acidente envolvendo dois caminhões. Um deles transportava madeira com características de itaúba. No local, os policiais civis constataram que a madeira já havia sido retirada por outro caminhão.

Em diligências para localizar o destino da madeira e o veículo, os investigadores localizaram um caminhão Mercedes Benz azul estacionado em frente a uma residência que correspondia às características informadas.

Ao indagar o motorista sobre a carga que havia no caminhão, ele imediatamente confessou que se travava de 30 dúzias de toras de itaúba, extraídas de uma reserva indígena próximo à localidade Padronal, no norte de Comodoro. O veículo e a carga foram apreendidos e levados até a delegacia.

Segunda carga 

Os policiais checaram que a carga apreendida, embora fosse ilícita, não correspondia à madeira cujo caminhão se acidentou. Em continuidade às diligências, foi possível chegar ao motorista e ao dono da carga de madeira que havia tombado na rodovia. Em depoimento, o motorista disse que a madeira foi deixada à beira de uma estrada, na zona rural, a 28 quilômetros de Comodoro. A carga de madeira, lascas para construção de cercas, foi localizada e apreendida.

Por Assessoria/Polícia Civil-MT 
 
 Imprimir